Carta de João Pessoa - XIX Encontro Nacional de Geógrafos, 07 de julho de 2018.

PELA REVOGAÇÃO DA LEI DA REFORMA DO ENSINO MÉDIO 13.415/2017

A Associação de Geógrafos Brasileiros (AGB) reunida no XIX Encontro Nacional de Geógrafos, realizada
entre os dias 01 a 07 de julho de 2018, na cidade de João Pessoa (PB), vem por meio desta se posicionar
contra a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e a Reforma do Ensino Médio (Lei 13.415/17),
somando nosso repúdio aos já manifestados por outras entidades e coletivos organizados, como Associação
Nacional de Pós-graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd), Associação Nacional de Pós-graduação e
Pesquisa em Geografia (ANPEGE) e Fórum Nacional de Diretores de Faculdades, Centro de Educação ou
Equivalentes das Universidades Públicas Brasileiras (FORUMDIR), entre outros.
 
No primeiro momento destacamos que tal posicionamento não se restringe apenas às contrarreformas em
curso para educação, mas a todo o conjunto de ações institucionais voltadas para o retrocesso dos direitos
sociais conquistados por meio da luta da classe trabalhadora e que atingem a sociedade como um todo.
Compreendemos que a BNCC e a Reforma do Ensino Médio se inserem no processo de ataque do capital,
com seus principais agentes, sobre a educação pública, tendo como protagonista o movimento Todos Pela
Educação, que representa o empresariado global nas questões educacionais e reproduzem no território
nacional a agenda dos organismos intersetoriais e financeiros. Isso ocorre por meio da consolidação
ideológica dos sentidos da qualidade da educação, resultando na intensificação do controle da formaçãoatuação
docente, na reconfiguração dos mecanismos político-pedagógicos e do aprimoramento dos
instrumentos de regulação e controle educacionais – currículo, materiais didáticos, formação de professores
e avaliação – que logram os sentidos formativos para a competição administrada (meritocracia), em tempos
de intensificação da precariedade, que visa aprofundar ainda mais as desigualdades e iniquidades sócioespaciais.
Tais mecanismos promovem uma hierarquia educacional, uma educação para dirigentes e outra
para trabalhadores.
 
Por tudo isso, não aceitamos a BNCC, devido a negação à comunidade acadêmica, aos profissionais da
educação e as organizações da sociedade civil; pela sua estruturação com foco na aprendizagem sem a
consideração do papel do professor no processo de produção do conhecimento, abrindo um flanco para a
inserção das apostilas, materiais didáticos e das tecnologias produzidas pelo oligopólio educacional presente
hoje no país; pela consolidação da Pedagogia das Competências, que funda programaticamente pela
formação flexível e pragmática em tempos de precarização do trabalho e apropriação da subjetividade da
classe trabalhadora; pela falácia discursiva de que uma padronização curricular promoverá as mesmas
condições de aprendizagem para sujeitos de realidades sociais, culturais e territorialmente distintas; e pelo
descarte de conceitos e temas relevantes para a construção do pensamento social crítico.
 
Defendemos um currículo autônomo, construído cotidiana e coletivamente, pelas comunidades escolares.
Denunciamos que a implementação da Reforma e da BNCC: acentua a precarização da formação integral
dos sujeitos sociais, por estar associada à retirada de disciplinas da Educação Básica; conduz ao cerceamento
da autonomia docente sem considerar a precariedade do trabalho e dos sistemas públicos de ensino;
promove a abertura para o processo de privatização da educação pública. Além disso, influencia a formação
docente dando-lhe caráter neotecnicista, flexível-polivalente tão evidentes na reforma curricular do ensino
superior e com a criação do programa Residência Pedagógica. Tais reformas primam pela intensificação da
lógica de ranqueamento e exclusão dos estudantes e suas escolas. Além disso, se apresentam no contexto de
ajuste fiscal e homologação da PEC 55/2017.
 
Considerando os argumentos expostos, a Associação dos Geógrafos Brasileiros – AGB, se coloca em favor
da REVOGAÇÃO DA LEI DA REFORMA DO ENSINO MÉDIO 13.415/2017.
 
Acessem e compartlhem a carta: Carta João Pessoa julho 2018.pdf (250193)
 

 

Manifesto Contra a Reforma do Ensino Médio

 

Acesse e compartilhe o Manifesto contra a Lei n° 13.415 de 16/02/2017 e Pela manutenção do componente curricular Geografia. 

https://agb-niteroi.webnode.com.br/_files/200000291-202a82123e/Manifesto_Online_Final.pdf

 

 

 

 

Ratificando o compromisso político de estar ao lado de professores e professoras de Geografia, a Associação dos Geógrafos Brasileiros (AGB) – Seção Local Niterói, apresenta ainda, um Deriva especial com um texto sobre as Reformas Educacionais da Educação. Essa edição vem para somar com o Manifesto Contra a Reforma do Ensino Médio.

 

Acesse o Boletim Informativo Deriva: Deriva 2018 - 1º semestre.pdf (1194680) 

CAMPANHA NACIONAL PERMANENTE EM DEFESA DA EDUCAÇÃO E ENSINO DE GEOGRAFIA

A Associação dos Geógrafos Brasileiros - AGB, durante o IV Fórum de Grupos de Trabalho, realizado nos dias 07 e 08 de setembro de 2017 na cidade de São Paulo - SP, em sua plenária final, decidiu organizar ampla campanha em defesa da educação pública gratuita e de qualidade, da profissão docente e da Geografia como disciplina escolar. A Campanha Nacional Permanente em Defesa da Educação e Ensino de Geografia é uma proposição da Articulação Nacional de GTs de Ensino da AGB e conta com a ampla participação das Seções Locais e associados da entidade. A Campanha terá o início de suas ações no mês de Novembro de 2017, com culminância no XIX Encontro Nacional de Geógrafos a se realizar nos dias 1 a 7 de Julho em João Pessoa (PB). 
 
A AGB vem acumulando debates através de atividades e encontros como o Fala Professor e dos diálogos com outras entidades construindo ações e documentos técnicos, notas, moções que denunciam e combatem a precarização e o desmonte da educação em todas as suas escalas e níveis. Neste período de ruptura democrática e institucional, a AGB participou das Audiências Públicas do Conselho Nacional de Educação como forma de expressar seu posicionamento contrário à Base Nacional Comum Curricular (BNCC); ao desmanche da educação pública proposto pela Reforma do Ensino Médio; e à precarização da formação e do trabalho docente. Assim, no Fórum de GTs da AGB apontamos para a necessidade de fortalecermos ações coletivas que construam posicionamentos críticos frente a essas ações que põe em risco a GEOGRAFIA. Para isso, os temas relacionados às reformas em curso precisam estar incluídos nas pautas das reuniões, nas escolas e nas universidades, como uma forma de incentivar o debate, a manifestação e a realização de ações contrárias a esse processo antidemocrático e violento de desmonte do Estado. 
 
Dentre os encaminhamentos deliberados tem-se uma série de sugestões de ações como diretrizes da Campanha: aproximação com outras entidades; Formações para os professores e alunos; Recorte da crítica à BNCC de forma didática que possa ser usada nas escolas; Curso de Formação Política; Identificar os sujeitos das denúncias; Compartilhar com parceiros e lugares onde não haja SLs as comunicações e materiais produzidos; Material de apoio da Campanha em múltiplas linguagens, a partir de experiências que temos de ensino de geografia no Brasil; Análise dos últimos documentos sobre as reformas do ensino e das reformas das licenciaturas; Estratégias para o enfrentamento das Reformas do Ensino Médio (BNCC do Ensino Médio); Estabelecer diligências e construir resistências à implementação da BNCC nas redes municipais e estaduais; Disputar os currículos em diálogo com a comunidade escolar.    É com essa gama de possibilidades de ações que conclamamos estudantes, professoras e professores de Geografia da Educação Básica e da Universidade, a participarem da construção da Campanha Nacional Permanente em Defesa da Educação e Ensino de Geografia promovidas pelas Seções Locais da AGB. Venha construir conosco a defesa da educação básica e do ensino de geografia. 
 
Associação dos Geógrafos Brasileiros Outubro de 2017 

 

Ultimas notícias!

ATENÇÃO

07/07/2017 12:53
A Geografia toma partido: o espaço do IX Fala Professor Estadual/RJ, está aberto para compartilharmos nossas ações escolares e políticas. Entre elas, como forma de resistência, a comissão organizadora informa, devido a demanda, a isenção do valor da inscrição para os profissionais da educação com...

2ª CIRCULAR - IX ENCONTRO ESTADUAL DE PROFESSORAS E PROFESSORES DE GEOGRAFIA DO RIO DE JANEIRO – EEPG/RJ

22/05/2017 11:34
“A Geografia toma partido: impactos das Reformas Educacionais”    Data: 21 a 23 de julho de 2017      Atualização: O Local mudou para: CAP - Colégio de Aplicação da UFRJ Endereço: Rua José Joaquim Seabra, s/n - Lagoa, Rio de Janeiro   Acesse a...

CIRCULAR - IX ENCONTRO ESTADUAL DE PROFESSORAS E PROFESSORES DE GEOGRAFIA DO RIO DE JANEIRO – EEPG/RJ

15/05/2017 10:49
“A Geografia toma partido: impactos das Reformas Educacionais”    Data: 21 a 23 de julho de 2017    Atualização: o local sede do encontro mudou para: CAP - Colégio de Aplicação da UFRJ Endereço: Rua José Joaquim Seabra, s/n - Lagoa, Rio de Janeiro   Acesse...

NOTA PÚBLICA SOBRE A RETOMADA DE TERRAS NO 5° DISTRITO DE SÃO JOÃO DA BARRA, RIO DE JANEIRO

27/04/2017 01:32
Desde a manhã do dia 19 de abril de 2017, cerca de 100 agricultores e agricultoras da região do Açu, município de São João da Barra-RJ seguem com a luta pela retomada de suas terras, expropriadas pelo governo Sergio Cabral e pelo Grupo EBX, de Eike Batista. Sob a responsabilidade da Companhia de...

Nota da CPT - RJ sobre as declarações do Superintendente de Agricultura e Pecuária de Campos dos Goytacazes RJ Nildo Cardoso.

02/04/2017 15:07
 A Comissão Pastoral da Terra - CPT vem mostrar sua indignação lamenta e repudia as afirmações do atual Superintendência de Agricultura e Pecuária do município de Campos dos Goytacazes RJ, na pessoa do Sr. Nildo Cardoso, realizadas durante a audiência pública na Escola Técnica Agrícola no...
<< 1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Próximos eventos!

XIX Encontro Nacional de Geógrafos

01/07/2018 09:00
ENG 2018 O 19º Encontro Nacional de Geógrafos será realizado de 01 a 07 de julho de 2018 - em João...

Mesa "Currículos de Geografia e Reforma do Ensino Médio"

19/06/2018 19:00
Vamos debater os processos já ocorendo em algumas escolas.  Após alguns adiamentos a Mesa "Currículos de Geografia e Reforma do Ensino Médio"...

Em tempos de BNCC: Precisamos conversar sobre a Geografia que queremos na escola

27/02/2018 18:00
Dando continuidade à “Campanha Nacional Permanente em Defesa da Educação e Ensino de Geografia” da Associação dos Geógrafos Brasileiros a AGB-Niterói...
Itens: 1 - 3 de 3

Outros documentos

Cartilha Para o Trabalho de Base para a Campanha pelo Território Pesqueiro

04/10/2012 23:03
Baixe aqui a Cartilha Para o Trabalho de Base para a Campanha pelo Território Pesqueiro! Download: Cartilha-Território-Pesqueiro (1)-1.pdf (394,4 kB)

Pagina da Seção Local

www.agbniteroi.org.br

Pagina da AGB Nacional

www.agb.org.br